Como o Tom de Voz contribui para o Branding de uma marca?

Como o Tom de Voz contribui para o Branding de uma marca?
Gabriela de Lima Silva
Gabriela de Lima Silva

Compartilhe

Você conhece uma empresa chamada TikTok Pte. Ltd.? Parece até mesmo estranho chamá-la de “empresa” e não usar diretamente o seu nome. TikTok é uma rede social focada na criação, compartilhamento e visualização de vídeos. Pessoas do mundo inteiro se conectam umas com as outras, compartilham histórias e até ficam famosas. Mas será que tudo isso é simples coincidência? Não. Saiba que por trás de toda grande empresa, temos uma ótima Gestão de Marca ou o famoso Branding!

A forma como o TikTok se comunica e atrai as pessoas é impressionante, pois de repente a rede para de ser apenas uma empresa e começa a parecer uma “pessoa” que se comunica com seus usuários. Essa comunicação da marca é feita principalmente por meio das redes sociais vizinhas, como no próprio Instagram, onde é possível criar um diálogo com o público utilizando postagens de textos, imagens e a área dos comentários para interagir com respostas.

Por isso, para que a comunicação seja efetiva, é necessário estabelecer características para a linguagem que a marca utilizará. E é disso que vamos falar hoje: como o Tom de Voz contribui para o Branding de uma marca. Neste artigo, você vai saber:

  • O que é Branding;
  • O que é Tom de Voz da Marca;
  • Como os dois funcionam juntos;
  • Case: Tom de Voz da Alura.

Vamos para a leitura?

O que é Branding?

Imagine a seguinte situação: você acabou de conhecer uma nova pessoa. Logo de início, algumas características se destacam e em poucos segundos você já consegue identificar se quer continuar a ter contato com ela ou não. Se a decisão for positiva, o vínculo é mantido e alimentado com mais conversas e encontros, criando assim algum tipo de conexão.

Algo semelhante acontece na interação entre pessoas e marcas: você tem o primeiro contato com uma marca, e logo já consegue dizer se gostou da experiência ou não. Caso sim, um vínculo é construído e a marca constantemente o fortalece com melhorias nos produtos, trazendo novidades para manter você por perto. Para que isso seja possível, é necessária uma forte presença da área de Branding na empresa!

Branding, conhecido em português como Gestão de Marcas, é a área responsável por construir ou gerenciar uma marca, definindo seus objetivos, metas, visão e posicionamento diante do público e do mercado.

É muito comum observarmos a atuação do Branding na construção de manuais de identidade visual e logomarcas, mas ele vai muito além! Tudo aquilo que representa a empresa e influenciará na relação entre o usuário e a marca, geralmente é acompanhado, estudado e gerenciado por um profissional da área, mesmo que de forma indireta.

Com suas bases e teorias, o Branding é essencial para que uma empresa tenha um bom desempenho no mercado, pois é ele quem ajudará na definição da “personalidade” da marca e suas principais características e destaques.

Tom de Voz da Marca

Mulher em pé conversando com alguém que está a sua frente e gesticulando com suas mãos.

A comunicação é um fator essencial para uma marca, pois é dessa forma que ela se posicionará e construirá um relacionamento com seus usuários. As palavras faladas e escritas serão os meios pelos quais uma ideia, um propósito ou um valor serão transmitidos para o usuário, além de provocar sentimentos em quem está tendo contato com esse conteúdo! Por exemplo: não faz muito sentido uma empresa dizer que um de seus valores é a empatia, mas quando de fato ela fala com o público, utiliza palavras que expressam grosseria. As pessoas sentem e entendem os princípios de uma marca quando eles aparecem nos detalhes.

Para que a empresa mostre sua personalidade e se comunique com as pessoas, existe uma ferramenta chamada Tom de Voz da Marca: um estilo de linguagem que a marca constrói para se comunicar com o seu público. Isso basicamente faz com que a empresa tenha uma voz com personalidade e converse diretamente com seus usuários, como se fosse uma pessoa real. Temos grandes exemplos como a Netflix, a Magalu (Magazine Luíza) e a própria Alura, que vamos conversar mais adiante.

Mas é importante lembrar que em uma empresa existem diversas pessoas trabalhando diretamente com comunicação, e cada uma tem sua forma de pensar, agir e de se comunicar.

Sendo assim, como garantir que, quando essas pessoas forem representar a marca, utilizem palavras que correspondam ao posicionamento e personalidade da empresa? Muita calma! Assim como existe um Manual de Identidade Visual, também existe o Manual de Tom de Voz da Marca: um documento em que concentramos todas as características do estilo de linguagem, informações sobre o público-alvo da marca e exemplos de uso da linguagem! Dessa forma, temos uma garantia maior de que todas as pessoas que trabalham com a comunicação estejam orientadas quando forem interagir com os usuários.

Uma curiosidade bem interessante que o livro Redação Estratégica para UX, da autora Torrey Podmajersky, nos mostra é que uma comunicação consistente faz com que o usuário se sinta mais seguro. Um Tom de Voz consistente ajuda a pessoa usuária a reconhecer a marca em qualquer situação e se ela já confia na empresa, então também confiará no conteúdo que está sendo transmitido.

Como o Tom de Voz e o Branding trabalham juntos?

Ilustração de um menino e uma menina, cada um com um balão com texto do lado, que representa uma conversa.

Como comentado antes, a comunicação é um fator importantíssimo para construir um relacionamento entre uma marca e uma pessoa. Um usuário pode demorar poucos segundos para julgar uma experiência como boa ou não, e depois dessa etapa o trabalho da equipe de comunicação ainda continua: é preciso nutrir esse vínculo até que se torne algo mais concreto, como um relacionamento.

Boa parte desse primeiro contato e do vínculo fortalecido acontece exclusivamente por meio das palavras, sejam escritas ou faladas. Ou seja, para que a Gestão de Marca seja efetiva, é preciso que o Tom de Voz da Marca seja muito bem trabalhado, pois essa ferramenta não apenas leva em consideração os princípios de uma empresa, mas também o usuário, suas características e como ele se comunica.

Por exemplo: se o público for mais jovem, brincadeiras e memes podem funcionar bem; mas se forem pessoas mais sérias, então será preciso uma comunicação mais formal. Isso também está muito relacionado a tarefa de encantar clientes! Se você quiser se aprofundar mais no assunto, temos um artigo completo falando sobre encantamento de clientes, uma prática super importante na hora de lidar com os usuários.

Em resumo: com o Tom de Voz da Marca, a empresa deixa de ser apenas um nome e uma logomarca e passa a ter personalidade e vida para seus usuários.

Case: Tom de Voz da Alura!

Sim! Aqui na Alura também temos um cuidado especial com a nossa comunicação e em como os nossos alunos e alunas se sentem conosco!

Os princípios que adotamos estão em nossas palavras, ações e na forma como tratamos as pessoas que contam com a nossa ajuda todos os dias. Alguns deles são, por exemplo, a Diversidade, a Educação e o Encantamento. Mas essas não são as nossas únicas bases! Nos preocupamos também em saber aquilo que é mais confortável para as pessoas (como você, que lê este artigo) e incluir na nossa fala do dia a dia. Pesquisamos e projetamos um estilo de linguagem para a Alura de forma que expressasse nossa essência e nosso posicionamento.

Observe quais são algumas de nossas bases na comunicação e analise se elas soam familiares:

  • Quando falamos da marca, ela deve ser sempre tratada no feminino. Por exemplo: “A Alura é muito grata em ter você aqui!”;
  • Evitamos utilizar palavras direcionadas a um gênero específico, preferindo usar palavras mais generalistas ou procurando utilizar frases que incluam todas as pessoas. Por exemplo: “Dev” (palavra que inclui todas as pessoas que desenvolvem) ou “alunas e alunos” (termos que se referem às pessoas que estudam na Alura);
  • Evitamos utilizar palavras negativas em nossa comunicação;
  • Utilizamos uma linguagem que é descontraída, porém que se mantém consistente. Dessa forma, garantimos que o maior número de pessoas se sintam acolhidas pelo nosso conteúdo;
  • A nossa intenção é ajudar e procuramos deixar isso o mais evidente possível em nossa comunicação.

Logo abaixo, temos um exemplo de post feito pela Alura no Twitter, em que aplicamos essas bases na prática!

Nessa postagem, dedicamos um momento especial para dar parabéns aos educadores pelo Dia dos Professores e agradecemos por contribuírem com o crescimento profissional de tantos alunos e alunas:

Um post da Alura com imagem e descrição em texto, mostrando como o texto de Tom de Voz da Alura é na prática.

Essas são algumas características que adotamos em nosso Tom de Voz, considerando a forma como você se sente mais confortável no dia a dia e também os princípios que temos e queremos compartilhar!

Conclusão

Vamos revisar sobre tudo o que conversamos? Então vamos lá:

  • Branding, conhecido em português como Gestão de Marcas, é a área responsável por construir ou gerenciar uma marca, definindo seus objetivos, metas, visão e posicionamento diante do público e do mercado.
  • Tom de Voz da Marca é um estilo de linguagem que a marca constrói para se comunicar com o seu público. Isso basicamente faz com que a empresa tenha uma voz com personalidade e converse diretamente com seus usuários, como se fosse uma pessoa real. Temos grandes exemplos como a Netflix, a Magalu (Magazine Luíza) e a própria Alura.
  • Uma comunicação consistente faz com que o usuário se sinta mais seguro.
  • Podemos promover a consistência na comunicação dentro da empresa por meio do Manual de Tom de Voz da Marca: um documento em que concentramos todas as características do estilo de linguagem, informações sobre o público-alvo da marca e exemplos de uso da linguagem.
  • Com o Tom de Voz da Marca, a empresa deixa de ser apenas um nome e uma logomarca e passa a ter personalidade e vida para seus usuários.
  • Analisamos o Tom de Voz da própria Alura e vimos como isso tudo funciona na prática.

E aí, curtiu a conversa? Esse é apenas um dos vários conteúdos que temos aqui para te ajudar a mergulhar cada vez mais em tecnologia.

Quer algumas dicas para saber por onde começar? Aqui vai: Formação de UX Design, Formação de Desenvolvimento de Carreira em UX e Formação de Marketing Digital.

Bora mergulhar em tecnologia?

Até mais!

Gabriela de Lima Silva
Gabriela de Lima Silva

Olá, eu sou a Gabi Lima! Sou designer gráfica, UX Designer e UI Designer. Amo ter contato com pessoas e entender seus sonhos e receios. É um alegria dizer que, hoje em dia, trabalho compartilhando meu conhecimento com todos vocês!

Veja outros artigos sobre UX & Design