Alura > Cursos de Inovação & Gestão > Cursos de Gestão Corporativa > Conteúdos de Gestão Corporativa > Primeiras aulas do curso Alavancas de gestão do conhecimento: aprendizagem e produtividade

Alavancas de gestão do conhecimento: aprendizagem e produtividade

Introdução - Introdução

Olá, pessoal. Sou Roberto Pina e com grande prazer ministrarei nesse curso relativo à gestão do conhecimento, alavancando aprendizagem e produtividade para as organizações.

Nessa primeira aula, faremos uma breve apresentação desse nosso curso.

O público alvo são profissionais de gestão e governança de TI, profissionais técnicos que almejam competências ligadas ao desenvolvimento organizacional, pessoas que, de alguma forma, podem contribuir ou tem oportunidade de contribuir para esse assunto estratégico; e o público em geral interessado em conhecer mais a respeito de aprendizagem organizacional, conhecimento nas organizações, esse tipo de assunto.

Nesse curso, nós trataremos, inicialmente, alguns conceitos básicos sobre a questão do conhecimento organizacional, conhecimento e aprendizado no âmbito corporativo. Depois, veremos as chamadas cinco disciplinas de Peter Senge. O Peter Senge desenvolveu um trabalho bastante importante de aprendizado organizacional e vamos utilizar alguns elementos desse trabalho para o nosso curso.

Depois, no âmbito das metodologias de TI, sejam as mais tradicionais ou ágil, como que elas endereçam essa questão do conhecimento.

Depois, haverá uma parte bastante prática onde nós veremos algumas ferramentas de gestão do conhecimento que podem ser utilizadas para a retenção, o registro e o compartilhamento do conhecimento nas organizações. E, finalmente, falaremos sobre aquisição e distribuição do conhecimento.

Esse curso pretende propiciar aos participantes a aquisição de conhecimentos estratégicos para o desenvolvimento organizacional, porque o conhecimento é um assunto crítico, é um assunto, que vocês verão, de grande importância para o bom andamento e para o progresso das organizações, tanto na esfera de TI como no negócio como um todo; e também, consecutivamente, uma preciosa contribuição para atualização de conhecimentos e evolução profissional dos participantes.

Como sempre, e isso é uma proposta pedagógica da Alura, os alunos são convidados a realizar um projeto de conclusão do curso, que tem como objetivo fixar o aprendizado, praticar alguns conceitos, algumas técnicas, e utilizar ferramentas que vamos apresentar aqui relativamente a esse assunto de gestão do conhecimento.

No nosso próximo vídeo, falarei com mais detalhes a respeito desse projeto. Vejo vocês lá.

Introdução - O projeto de conclusão do curso

Olá, pessoal. Neste segundo vídeo da aula um, falarei sobre o projeto de conclusão do curso.

Esse projeto, como foi citado no vídeo anterior, tem por objetivo sedimentar os conhecimentos que vamos adquirir colocando em um exercício prático.

A proposta do projeto é a seguinte: você deve identificar algum conhecimento que você deseja adquirir, por exemplo, um conhecimento técnico. Então, nós aplicaremos conceitos e técnicas, que serão apresentadas aqui no curso, para um bom trabalho desse conhecimento, ou seja, para uma guarda sistematizada desse conhecimento, a correta sedimentação e a difusão do mesmo, veremos formas de trabalhar de maneira eficaz e eficiente com o conhecimento.

Alguns exemplos de conhecimento que você deseja adquirir que podem ser temas para o seu projeto, uma nova linguagem de programação que você deseje dominar, um framework ou método novo, o domínio de uma ferramenta que você está de olho e quer aprender, quer dominar para uma alavancagem profissional. Enfim, qualquer assunto importante, pessoal, que precise ser adquirido, que exija algum estudo, e que precise ser mantido e transmitido.

Essa questão da transmissão é bastante importante, porque veremos que uma ótima forma de aprender é ensinar. Ensinar faz com que a conheçamos muito mais a respeito de qualquer tema.

Então, este é o projeto de conclusão do curso. Ao longo das aulas, você será orientado, nos momentos certos, a passo a passo compor, então, esse projeto utilizando os elementos que serão transmitidos.

Uma boa sorte nesse seu projeto, vamos em frente, vale muito a pena realmente realizar esse exercício prático.

No próximo vídeo, nós falaremos então dos primeiros conceitos fundamentais a respeito de gestão do conhecimento. Até lá.

Introdução - A era do conhecimento

Olá, pessoal. Neste nosso terceiro vídeo da aula um, falaremos dos elementos fundamentais da chamada era do conhecimento e esses elementos serão básicos para o nosso curso.

Primeiramente, eu vou falar do conceito de dados. O que são dados? Eles são observações brutas, bastante atomizadas, oriundas de uma medida, de uma observação feita por uma pessoa.

Já a informação é um dado com significado. São dados configurados de forma a serem utilizados em planejamento, em controle, em alguma reflexão. Isso é uma informação. E o conhecimento, por sua vez, é a capacidade adquirida por alguém que com a sua inteligência interpreta e opera sobre um conjunto de informações.

Falando um pouquinho mais sobre dados, nós temos aí uma quantidade enorme no nosso dia a dia, quantidade essa que cresce, e as unidades de volume desses dados são bastante conhecidas, principalmente pelo pessoal de TI.

Nós temos um Kilobyte, que corresponde a 1024 bytes. O byte pode ser entendido como uma unidade fundamental, que corresponde ao espaço ocupado por um caráter ou por um número, por exemplo.

1024 Kilobytes constituem um Megabyte e, seguindo essa multiplicação de 1024, chegamos no Gigabyte, que é uma unidade bastante usual na capacidade dos nossos pen drives e hard disks.

Depois, temos o Terabyte, que é uma unidade que já começa a aparecer no dia a dia. O Petabyte e o Exabyte, olha a quantidade astronômica de bytes que constituem um Exabyte.

Exemplos reais de volume de dados em coisas que manipulamos no dia a dia. Exemplo: o Facebook. O Facebook tem cerca de 40 petabytes de dados e uma captura de 100 terabytes por dia. A biblioteca do Congresso Americano tem um volume de 250 terabytes de dados. O Twitter captura 8 terabytes de dados por dia.

E a internet como um todo tem a quantidade astronômica de um milhão de exabytes de dados, ou seja, um bilhão de petabytes ou um trilhão de terabytes. É muito dado e também muita informação e conhecimento a respeito de praticamente tudo.

Existem dois tipos de dados, fundamentalmente, que são os dados estruturados, que possuem um formato e um tamanho definido, normalmente armazenados em banco de dados. Eles correspondem a apenas 20% dos dados disponíveis. Um exemplo de dado estruturado seria o saldo de uma conta bancária, por exemplo. E esses dados estruturados são gerados por humanos ou por máquinas.

Os dados desestruturados, por sua vez, não têm um formato específico, são muito mais abundantes, correspondendo a cerca de 80% dos dados disponíveis, e temos como exemplo imagens, vídeos, áudios e textos livres. Eles não têm um caráter atomizado quanto o dado estruturado. Com relação a informação, há três dimensões importantes a considerar, que é o tempo da informação, a prontidão dela, a atualização e a frequência. O conteúdo, a precisão, a relevância, e a integridade dela, tem a ver com a qualidade da informação e a forma com que ela vem: a clareza, o detalhe, a ordem a linguagem.

Finalmente, quanto ao conhecimento, como nós vimos, é um conjunto de informações interligadas e logicamente relacionadas, trabalhadas e trabalháveis pela nossa inteligência e é um nível muito mais elevado que um mero conjunto de informações.

Há dois tipos de conhecimento, e isso é bastante importante para o nosso curso. O primeiro é o conhecimento dito explícito que já foi codificado, armazenado, registrado, documentado, sedimentado, cristalizado, de alguma forma, podendo ser transmitida a outras pessoas, exemplo, aquilo que está em um livro, em um manual, em um processo documentado, em um desenho de engenharia, algo assim.

E o conhecimento tácito. O conhecimento tácito é aquele que está na cabeça das pessoas e que não está formalizado ou documentado ainda de forma a ser transmitido com garantia. Então, no conhecimento tácito quando a pessoa vai embora, ela leva esse conhecimento consigo, ele não está cristalizado para ser transmitido.

Fazendo um resumo de dado, informação e conhecimento. No assunto vendas, por exemplo, nós temos um dado que seria o valor das vendas hoje. Isso é um dado. Tantos milhares de reais foram vendidos hoje. Uma informação, a evolução de vendas no ano. Com isso, eu já consigo ver tendências e assim por diante. É uma informação. É um nível mais elevado. E um conhecimento relativo ao assunto vendas seria: retorno de campanhas publicitárias, estudo do perfil do consumidor, ou seja, algo muito mais evoluído.

Temos, nesse contexto da era do conhecimento, o chamado trabalhador do conhecimento, ou seja, nós. São profissionais que lidam com informações e conhecimentos no seu dia a dia, como, por exemplo, o pessoal de TI, cientistas, engenheiros, pesquisadores, professores, advogados, bibliotecários, médicos, pessoal da área administrativa dos mais diversos tipos de negócios. Nós lidamos com informações e conhecimentos.

E uma característica importante do trabalhador do conhecimento é que ele se motiva com três coisas: com autonomia. Nós trabalhadores do conhecimento precisamos de autonomia para ficarmos motivados, fazer as coisas mais ou menos do nosso jeito, sem muito comando e controle. Nós precisamos ver um propósito, nós precisamos ver um sentido naquilo que nós fazemos e precisamos ter uma perspectiva de maestria, que significa sentir que estamos evoluindo, que nós estamos caminhando para um aperfeiçoamento pessoal. Esses três elementos são fundamentais para motivação do trabalhador do conhecimento.

Por fim, temos também nesse cenário o produto do conhecimento. Exemplo clássico software, é um produto que tem bastante conhecimento embarcado, e esses produtos têm características que chamam atenção e para as quais as organizações precisam prestar bastante atenção, que são: eles não são estáveis ou fixos, eles nunca terminam de evoluir, nunca estão prontos, estão mudando constantemente, porque as fontes de valor mudam constantemente.

Basta lembrar de requisitos de negócio, de usuários que são endereçados para desenvolvimento de sistemas, sabemos o quanto isso muda, o quanto isso é volátil, e eles estão sujeitos a necessidades que evoluem rapidamente. Essas são as características do chamado produto do conhecimento.

Esse é o cenário da era de conhecimento que está aí no nosso dia a dia. Muitos dados, muitas informações e tudo muito mutável. Assim sendo, as organizações precisam saber lidar com isso e, principalmente, saber gerenciar o conhecimento. E esse será o propósito do próximo vídeo. Vejo vocês lá.

Sobre o curso Alavancas de gestão do conhecimento: aprendizagem e produtividade

O curso Alavancas de gestão do conhecimento: aprendizagem e produtividade possui 134 minutos de vídeos, em um total de 50 atividades. Gostou? Conheça nossos outros cursos de Gestão Corporativa em Inovação & Gestão, ou leia nossos artigos de Inovação & Gestão.

Matricule-se e comece a estudar com a gente hoje! Conheça outros tópicos abordados durante o curso:

Aprenda Gestão Corporativa acessando integralmente esse e outros cursos, comece hoje!

Plus

De
R$ 1.800
12X
R$109
à vista R$1.308
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

Matricule-se

Pro

De
R$ 2.400
12X
R$149
à vista R$1.788
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

  • Luri powered by ChatGPT

    Luri é nossa inteligência artificial que tira dúvidas, dá exemplos práticos e ajuda a mergulhar ainda mais durante as aulas. Você pode conversar com Luri até 100 mensagens por semana.

  • Alura Língua (incluindo curso Inglês para Devs)

    Estude a língua inglesa com um curso 100% focado em tecnologia e expanda seus horizontes profissionais.

Matricule-se
Conheça os Planos para Empresas

Acesso completo
durante 1 ano

Estude 24h/dia
onde e quando quiser

Novos cursos
todas as semanas