Alura > Cursos de Inovação & Gestão > Cursos de Startups e Empreendedorismo > Conteúdos de Startups e Empreendedorismo > Primeiras aulas do curso Inovação Social e Empreendedorismo: conduza a mudança e gere impacto

Inovação Social e Empreendedorismo: conduza a mudança e gere impacto

Empreendedorismo Social - Apresentação

Boas-vindas ao curso de Inovação Social e Empreendedorismo com a instrutora de Inovação & Gestão da Alura, Júlia Viana.

A instrutora é uma mulher de pele branca, olhos castanhos e cabelo castanho escuro longo e liso. Veste uma camisa branca. Ao fundo, uma parede lisa sem decorações e iluminada com uma cor alaranjada.

Público-alvo

O curso de Inovação Social e Empreendedorismo é para:

Conteúdo

Nesse curso, você vai aprender com muitos casos reais de negócio e também vai acompanhar a jornada de Mara, uma mulher de 35 anos que trabalha como analista pleno de logística em uma empresa multinacional do setor de alimentos.

Mara resolve empreender e cria a Reciclalura que trabalha com logística reversa e é um empreendimento social.

Se prepare para aprender sobre:

Fique calmo caso esse seja seu primeiro contato com o tema, pois vamos juntos percorrer essa jornada!

Continue assistindo e descobra como se tornar um agente de mudança, como estabelecer um processo de inovação social, além de como avaliar o impacto do seu negócio.

Do mesmo modo, vai aprender a construir um ecossistema de inovação e como impulsionar as dimensões desse ecossistema. E também vai conseguir identificar os obstáculos e oportunidades que podem surgir e receber as estratégias para lidar com eles.

Nosso mergulho em Inovação Social e Empreendedorismo está apenas começando. Vamos lá?

Empreendedorismo Social - Negócios de impacto

Já imaginou como seria incrível alavancar causas sociais e ambientais, transformar realidades, gerar impacto e ainda ganhar dinheiro com isso?

Essa união do útil ao agradável é possível com o Empreendedorismo Social, um termo que apesar de não ter uma definição única é entendido como:

uma atividade inovadora e de criação de valor social que pode ocorrer dentro ou entre os setores sem fins lucrativos, comercial ou governamental. (AUSTIN, STEVENSON & WEI-SKILLERN, 2006)

Negócios de Impacto

Assistimos uma transição mundial onde as causas socioambientais têm ganhado cada vez mais visibilidade e destaque e, por consequência, os empreendimentos sociais que trabalham com essas causas também ganham o mesmo destaque.

Por isso, líderes de grandes corporações vêm investindo progressivamente em geração de impacto.

Também temos visto as iniciativas de sustentabilidade e responsabilidade social corporativa (RSE) deixando de ser uma área segregada da corporação para fazer parte do negócio principal (core business).

Microsoft

A Microsoft, uma gigante da área de tecnologia, lançou um programa voltado para empreendedorismo de impacto, chamado Empreendedorismo para Impacto Positivo.

E tem como objetivo criar um grande ecossistema de empreendedores sociais com suporte de especialistas e acesso às tecnologias da Microsoft, criando uma rede para impacto positivo.

O programa foi baseado nos 17 objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) lançado pela ONU como um apelo global a ação para combater a pobreza, proteger o meio ambiente, entre outras pautas.

Apesar da Microsoft aceitar projetos relacionados a esses 17 objetivos, a empresa tem foco em quatro deles:

Google

Em um caso semelhante, outra gigante da tecnologia, o Google, também lançou um programa relacionado a negócios de impacto chamado Desafios de impacto que visa apoiar organizações sem fins lucrativos e empresas sociais para agilizar o impacto positivo no mundo.

Recomendamos que você dê uma olhada nesse site do Google e descubra as incríveis iniciativas apoiadas.

Mas por que a Microsoft e o Google, empresas renomadas e gigantes dentro de seus setores, estão investindo em negócios de impacto?

As empresas perceberam que os desafios globais ameaçam a capacidade de operar, crescer e prosperar.

Gradualmente observamos o movimento de tirar a responsabilidade social e sustentabilidade de uma iniciativa aparte da empresa para se tornar algo relacionado ao negócio principal. Assim, os líderes de grandes empresas investem em seus negócios, cadeias de suprimento e comunidades atendidas.

No entanto, o negócio pode contribuir e se preocupar com causas sociais sem ser, obrigatoriamente, um negócio de impacto.

Pode-se trabalhar com responsabilidade social que é a adoção de políticas que impactam positivamente a sociedade.

Um exemplo disso é uma empresa que compensa suas emissões de carbono na atmosfera para diminuir os danos ambientais causados pelas suas indústrias.

Portanto, essa empresa não será considerada um negócio de impacto, mas, sim, uma empresa com políticas relacionadas a responsabilidade social e sustentabilidade.

Negócios de impacto têm como objetivo solucionar desafios sociais e ambientais por meio do mercado.

Ou seja, são soluções de negócios para problemas socioambientais.

Muitas vezes, o negócio de impacto tem um caráter de agente de mudança, provendo a mudança do comportamento dos consumidores e, por vezes, de legislações nas regiões atuantes.

Sendo assim, o negócio de impacto vai atuar de acordo com a lógica do mercado. Entretanto, ele tem três características específicas que são:

Isto é, a missão e o propósito para aquele negócio de impacto existir.

O próprio Google diz que as melhores soluções vêm das pessoas que estão mais próximas ao problema.

Desse modo, é muito importante construir uma relação com quem você vai trabalhar e as pessoas que quer atender. É fundamental ouvi-las e entender bem seu contexto para, então, atuar em conjunto.

Deve-se sair de uma lógica de exploração para uma lógica de colaboração e de desenvolvimento real daquela comunidade.

O que aprendemos nesse vídeo?

Aprendemos o que são negócios de impacto e a diferença de um negócio de impacto para a responsabilidade social e sustentabilidade de uma empresa.

Também vimos a importância do investimento, já que os desafios globais impactam diretamente na operação dos negócios.

Adiante, você irá aprender sobre agentes de mudança ou empreendedores sociais.

Empreendedorismo Social - Agentes de mudança

O mundo tem se desenvolvido muito, principalmente em questões relacionadas a ciência e tecnologia. Porém, os problemas sociais e ambientais continuam enormes. Questões como desemprego, desigualdade social e aquecimento global continuam muito pertinentes.

Agentes de mudança

Justamente por continuarem tão relevantes, podemos ver uma crescente de iniciativas que buscam resolver e tratar as causas desses problemas, como vimos nos exemplos da Microsoft e do Google que lançaram programas voltados a empreendedorismo de impacto.

Junto da Microsoft e Google, temos dezenas de outros exemplos de agentes de mudança e empreendedores(as) sociais que estão atuando em causas globais extremamente urgentes e importantes.

Um excelente exemplo é da Shiza Shahid, uma empreendedora social paquistanesa que criou o Malala Fund. Foi co-fundadora e CEO dentro dessa organização sem fins lucrativos que visava promover uma educação de qualidade para meninas.

Aqui no Brasil também temos o exemplo da Adriana Barbosa, criadora do PretaHub que impulsiona o empreendedorismo negro. O programa funciona como acelerador e incubador de iniciativas negras e fornece cursos e trocas de experiência entre essas pessoas empreendedoras.

Ambas, Shiza Shahid e Adriana Barbosa, são empreendedoras sociais.

No empreendedorismo social, ao invés de um problema social ser encarrado como um obstáculo ou ameaça, é encarrado como uma oportunidade de mudança e negócio.

Soluções sistêmicas

Um aspecto fundamental do empreendedorismo social são as soluções sistêmicas que vão tratar não só dos sintomas, mas também das causas desses problemas.

"A capacidade de atingir as causas dos problemas sociais, ao invés de se concentrar nos sintomas, é o que os torna autênticos agentes de mudança." (DEES, 1998; DOMENICH, 2018; LETTICE & PAREKH, 2010)

E essas pessoas empreendedoras podem ter diversas áreas de interesses, como:

A seguir vamos te mostrar um exemplo que envolve desenvolvimento econômico, igualdade de gênero e desenvolvimento de comunidades.

O Grameen Bank, que significa banco do vilarejo, foi criado por Muhammad Yunus, ganhador do prêmio Nobel, que revolucionou a economia ao conceder "microcrédito" e ajudar pessoas em condições adversas, geralmente mulheres em áreas rurais da Índia, para obter independência econômica através do trabalho autônomo.

Esse modelo foi criado na Índia em uma região rural e já foi replicado em mais de 58 países pelo mundo.

Isso nos leva a uma máxima do empreendedorismo social que é:

Pense globalmente, aja localmente.

No caso de Yunus, uma ação global na Índia se espalhou pelo mundo inteiro com um impacto global e que o levou a ganhar o prêmio Nobel da Paz.

Você lembra de algum outro empreendimento social que tenha começado a partir de uma ação local e que também tenha sido difundido pelo globo? Se tiver, conte-nos!

Agentes de mudança podem lucrar?

Empreendedores(as) sociais podem lucrar com seus negócios? Essa é uma pergunta que não tem certo ou errado e uma resposta definitiva.

Contudo, a partir do exemplo da própria Shiza Shahid, temos uma ideia sobre esse questionamento.

Ela criou a Now Ventures que é uma corporação que visa conceder investimentos para startups que tenham uma missão social. Shahid diz que a corporação é a união perfeita entre lucro e propósito.

De forma geral, o empreendimento social pode ser sem fins lucrativos, com fins lucrativos ou híbrido, dependendo do modelo de negócio escolhido e do financiamento disponível.

Mas como você pode criar um negócio social? Falaremos desse assunto muito em breve!

O que aprendemos nesse vídeo?

Aprendemos sobre o papel dos empreendedores sociais/agentes de mudanças e as áreas de interesse que contemplam essas pessoas.

Também vimos os tipos de modelos de negócio que estão disponíveis para empreendimentos sociais.

No próximo vídeo, vamos falar sobre a diferença entre empreendedorismo comercial e empreendedorismo social.

Sobre o curso Inovação Social e Empreendedorismo: conduza a mudança e gere impacto

O curso Inovação Social e Empreendedorismo: conduza a mudança e gere impacto possui 67 minutos de vídeos, em um total de 38 atividades. Gostou? Conheça nossos outros cursos de Startups e Empreendedorismo em Inovação & Gestão, ou leia nossos artigos de Inovação & Gestão.

Matricule-se e comece a estudar com a gente hoje! Conheça outros tópicos abordados durante o curso:

Aprenda Startups e Empreendedorismo acessando integralmente esse e outros cursos, comece hoje!

Plus

De
R$ 1.800
12X
R$109
à vista R$1.308
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

Matricule-se

Pro

De
R$ 2.400
12X
R$149
à vista R$1.788
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

  • Luri powered by ChatGPT

    Luri é nossa inteligência artificial que tira dúvidas, dá exemplos práticos e ajuda a mergulhar ainda mais durante as aulas. Você pode conversar com Luri até 100 mensagens por semana.

  • Alura Língua (incluindo curso Inglês para Devs)

    Estude a língua inglesa com um curso 100% focado em tecnologia e expanda seus horizontes profissionais.

Matricule-se
Conheça os Planos para Empresas

Acesso completo
durante 1 ano

Estude 24h/dia
onde e quando quiser

Novos cursos
todas as semanas