Para que serve o Adobe Photoshop

Para que serve o Adobe Photoshop
Felipe Labouriau
Felipe Labouriau

Compartilhe

Introdução

Você já ouviu falar em “fazer um Photoshop”? Muito provável que sim, pois é, neste artigo nós vamos conversar sobre um programa que é tão importante que já até virou uma expressão popular. Nascido em 1987 e lançado em fevereiro de 1900, o Photoshop é um marco fundamental para os softwares gráficos, tendo incrementado ao longo de todos esses anos diversas funcionalidades inovadoras.

Banner promocional da Semana Carreira Tech, organizada pela Alura e FIAP. Texto: 'Descubra como graduações tech estão transformando o futuro. Cinco lives gratuitas para você mergulhar nas áreas mais transformadoras da atualidade, desde o que se estuda nas graduações até a prática do mercado. Garanta sua vaga de 01 a 05 de julho.' Imagem de profissionais usando equipamentos tecnológicos avançados, como óculos de realidade aumentada. Botão destacado com a chamada 'Garanta sua vaga'. Logotipos da Alura e FIAP no canto superior direito.

O que eu posso fazer com o Photoshop?

Sua principal função é editar e compor imagens, mas podemos dizer que há infinitas oportunidades criativas para usar o Photoshop. A seguir vou listar seis aplicações mais comuns do programa:

1. Edição de fotos

O Photoshop é amplamente utilizado para retocar e aprimorar fotografias. Ele pode remover manchas, ajustar cores, corrigir problemas de exposição e fazer melhorias gerais na aparência das imagens.

Gif animado que mostra o antes e depois do tratamento de uma fotografia de uma modelo.

O retoque da pele é um dos usos mais comuns do programa.

2. Manipulação de imagem

O Photoshop permite que os usuários manipulem imagens de forma criativa, combinando várias fotos, criando composições surreais ou adicionando efeitos especiais.

Gif animado mostrando todas as edições realizadas numa manipulação que contém uma pessoa e dois robôs realizando um salto livre.

Na manipulação de imagens pode-se usar diferentes imagens para construir uma cena, como no caso acima. Note como os elementos da composição são imagens separadas que foram mescladas juntas por meio de diversos ajustes.

3. Marketing digital

Designers e profissionais de marketing usam o Photoshop para criar visuais atraentes para anúncios on-line, postagens de mídia social e campanhas de e-mail.

Montagem criada no Photoshop com três fotografias de pessoas sobre um fundo colorido.

Banners digitais são muitas vezes preparados no Photoshop.

4. Mockups e Prototipagem

O Photoshop é utilizado para criar maquetes e protótipos para diversos projetos de design, demonstrando como ficará o produto final.

Aplicações da identidade visual da Alura em produtos: sacola, broche e caneca.

Simulações de produtos físicos podem ser preparadas com o software.

5. Design para impressão

O Photoshop é usado para criar materiais para impressão, como brochuras, cartões de visita, revistas e embalagens.

Folder para impressão com dobras frente e verso.

6. Arte digital

Muitos artistas e ilustradores usam o Photoshop como uma tela digital para criar obras de arte, ilustrações e designs conceituais impressionantes.

Ilustração digital de uma mulher.

Crédito: Ricky Linn, disponível em Creative Cloud.

Um verdadeiro canivete suíço, concorda?

Principais funcionalidades

O Photoshop é um aplicativo robusto com uma ampla gama de recursos e ferramentas para designers conseguirem realizar, entre outras tarefas, as que citamos acima. Alguns dos seus recursos mais destacados são:

  • Camadas: o conceito revolucionário de camadas permite que os usuários trabalhem com diferentes elementos de uma imagem de forma independente. As camadas facilitam a edição, organização e manipulação de vários componentes de um design ou foto sem afetar o restante da imagem.
Gif animado mostrando diferentes imagens de uma composição sendo selecionados e movimentados de maneira independente.

Note como as imagens estão em camadas diferentes e, portanto, podem ser editadas de maneira independente.

  • Mascaramento: funcionalidade que faz com que os usuários ocultem ou revelem partes de uma camada, dando mais controle sobre a transparência e a mistura de elementos em uma imagem.
Gif mostrando o conteúdo de uma camada sendo escondido por uma máscara.

Note como as imagens estão em camadas diferentes e, portanto, podem ser editadas de maneira independente.

  • Ferramentas de seleção: isolam partes específicas de uma imagem para edição ou manipulação mais precisa.
A ferramenta Remove Background em funcionamento.

A ferramenta de seleção automática Remove Background é uma das opções do Photoshop. Ela identifica automaticamente o que é figura e o que é fundo e os separa por meio de uma máscara de camada.

  • Pincéis: o Photoshop oferece uma ampla variedade de predefinições e configurações de pincel, tornando-o uma excelente ferramenta para pintura digital, retoques e efeitos artísticos.
Pincel sendo usado para pintar uma fumaça.
  • Camadas de ajuste: permitem a edição não destrutiva aplicando ajustes à imagem sem alterar permanentemente os pixels originais.
Gif animado que mostra a edição de uma imagem por meio da camada de ajuste de Brilho e Contraste.

Com uma camada de ajuste é possível editar uma camada sem precisar alterar as informações originais dela. Dessa forma os ajustes existem à parte da camada, podendo ser revisitados e apagados a qualquer momento.

  • Filtros e efeitos: o Photoshop possui uma extensa coleção de filtros e efeitos que podem ser aplicados às imagens para obter vários visuais, estilos e aprimoramentos.
Gif animado que mostra a aplicação de filtros no Photoshop.

Os filtros são adições incríveis, que conferem os mais variados efeitos às imagens, c como o desfoque de movimento e bokeh acima.

Objetos Inteligentes: assim como as Camadas, este é outro conceito transformador: Objetos Inteligentes são camadas que preservam os dados da imagem original, permitindo que os usuários façam alterações nelas sem perder qualidade ou resolução.

Gif animado que mostra um objeto inteligente sendo aberto.

Os objetos inteligentes, por exemplo, preservam as máscaras de camada.

  • Ferramentas de texto e texto: o Photoshop inclui ferramentas poderosas de tipografia para adicionar, editar e estilizar texto de várias maneiras.
Gif animado mostrando a alteração do estilo tipográfico no Photoshop.

O estilo da tipografia é um dos vários parâmetros que podem ser trabalhados em textos.

  • Ferramentas de criação com IA: atualmente em fase de testes, o Photoshop vem desenvolvendo uma ferramenta chamada “Preenchimento Generativo” que cria imagens a partir de prompts de texto.
Gif animado mostrando a geração de imagens por meio da inteligência artificial Adobe Firefly.

Baseado no prompt city at night (cidade à noite) o Photoshop cria três variações de imagens que a inteligência artificial Adobe Firefly julga como melhor relacionadas ao texto.

  • Opções de exportação: o Photoshop é capaz de realizar várias configurações de exportação, incluindo diferentes formatos, tamanhos e resoluções de arquivo, facilitando a preparação de imagens para diferentes finalidades.
Janela para configuração de exportação de imagens do Photoshop.

Conclusão

O Photoshop é o programa mais completo do mercado de design para trabalhar com imagens. Rico em ferramentas, ele permite que diversos tipos de projetos sejam feitos. Por isso, é o software padrão para pessoas que atuam na área, sendo pedido em muitas oportunidades de emprego.

Aqui na Alura temos a formação Adobe Photoshop que trata do Photoshop “do início ao fim”, apresentando-o do zero para quem nunca sequer o abriu, até para usos mais avançados com IA ou tratamento de imagem. Acesse o primeiro curso da formação: Adobe Photoshop: ferramentas essenciais do programa.

Até a próxima!

Apoio didático: Cinthia Bregola

Felipe Labouriau
Felipe Labouriau

Sou designer gráfico de formação, com experiência no mercado de mídias impressas e virtuais. Hoje, sou instrutor de design na Alura e já colaborei para grandes insituições, como Fundação Getúlio Vargas, Ipiranga e Sebrae/RJ.

Veja outros artigos sobre UX & Design