Branding: desvendando os segredos de uma marca forte

Branding: desvendando os segredos de uma marca forte
Felipe Labouriau
Felipe Labouriau

Compartilhe

Já pensou o que te faz escolher uma marca de um produto ou de um prestador de serviço?

É provável que os primeiros motivos que venham à mente sejam: preço, qualidade e atendimento.

Vamos supor que esses três parâmetros sejam muito parecidos. Então, qual seria o diferencial?

Pois bem. Provavelmente sua decisão levou em consideração os valores e a identidade da marca, que são atributos bem particulares e que vão além das características tangíveis dos produtos e serviços.

A construção dessa personalidade da marca acontece por um processo chamado de branding.

De maneira geral, o branding molda a maneira como as pessoas enxergam a marca, fazendo com que ela seja muito mais do que um nome e um logotipo.

É sobre isso que vamos conversar nesse artigo. Vamos lá?

O que é branding?

Trata-se de um conjunto de técnicas, que compreendem fases de pesquisa e criação, cujo objetivo final é a definição da identidade de uma marca.

Isto é, seus valores, sua missão, sua personalidade e sua promessa ao público.

Por meio dele, é possível elaborar uma narrativa consistente que ressoa com a clientela, criando um vínculo emocional duradouro.

Qual é a diferença de marca e branding?

Importante, já logo de início, distinguir marca de branding. A primeira é a representação palpável da sua empresa, geralmente composta por nome, logotipo, slogan e produtos ou serviços.

O segundo, por sua vez, é a metodologia estratégica de construir, gerenciar e fortalecer essa marca.

Na imagem aparece um letreiro colorido com a logo do Google.

No exemplo acima, temos a marca do Google, que deriva de um processo de branding.

Banner promocional da Semana Carreira Tech, organizada pela Alura e FIAP. Texto: 'Descubra como graduações tech estão transformando o futuro. Cinco lives gratuitas para você mergulhar nas áreas mais transformadoras da atualidade, desde o que se estuda nas graduações até a prática do mercado. Garanta sua vaga de 01 a 05 de julho.' Imagem de profissionais usando equipamentos tecnológicos avançados, como óculos de realidade aumentada. Botão destacado com a chamada 'Garanta sua vaga'. Logotipos da Alura e FIAP no canto superior direito.

Elementos essenciais para um branding de sucesso

Um bom branding surge a parte de algumas partes fundamentais:

Identidade da marca

Como já falamos, consiste em definir claramente seus valores, missão, personalidade e promessa ao público.

Aqui nós temos o propósito da marca, o porquê dela existir: o que movimenta as pessoas que trabalham nela e o que faz os clientes a escolherem.

Posicionamento da marca

Determinar como a marca se diferencia da concorrência e qual nicho ela deseja ocupar no mercado, para apresentar ao cliente o porquê usá-la.

A empresa precisa entender quem é o seu público consumidor, quais problemas ela pretende resolver e por que ela é a melhor alternativa.

Comunicação da marca

Criar uma mensagem consistente e envolvente que seja transmitida em todos os canais de comunicação, a fim de gerar uma percepção de valor junto ao cliente.

Experiência da marca

Garantir que cada interação com sua marca seja positiva e reforce a sua identidade.

Identidade visual

A identidade visual é fundamental para o processo de branding. Afinal de contas, deve-se desenvolver um estilo visual coeso e próprio, a fim de despertar uma imagem memorável que representa a personalidade da sua marca.

No curso Branding: criando uma marca forte, você pode se aprofundar em entender como fazer para que sua marca seja reconhecida, tanto no meio digital como no tradicional.

Qual é a importância do branding para o seu negócio

Investir em branding pode trazer diversos benefícios para o seu negócio, como:

  • Aumento do reconhecimento da marca. Graças a uma identidade, os consumidores reconhecem com mais facilidade as comunicações e veiculações da marca.
  • Maior fidelidade. Com uma personalidade bem definida, os clientes têm muito mais chances de formar uma relação verdadeira com a marca, já que eles podem se identificar com aquilo que ela representa e com os valores aos quais ela se associa.
  • Diferenciação. Se o branding foi bem conduzido e a marca de fato tem uma identidade única, ela se destacar em relação às demais e poderá, inclusive, se posicionar como líder do mercado.
  • Maior valor percebido. Uma marca forte impregna os seus produtos e serviços com uma noção maior de valor agregado, fazendo com que eles sejam vistos como mais valiosos e desejáveis. E, em última análise, podem ser comercializados a valores mais altos.
Na imagem é possível ver dois copos de café. O copo da esquerda é todo branco. No da direita é um copo branco com logotipo do Starbucks.

Pense no preço cobrado por esses dois cafés: o que possui o logo do Starbucks certamente será mais caro. Isso acontece pela percepção de valor agregado da marca.

Brandings de sucesso

Diversas empresas contam com um bom trabalho de branding:

Nike

Inspira o público a alcançar seus objetivos através de campanhas motivacionais e produtos de qualidade.

A imagem é de uma campanha do tênis Airmax da Nike. Aparece um par de tênis pretos e a frase “Feel the unreal”.

“Feel the unreal” (“Sinta o surreal”, em tradução livre para o português) é uma nova campanha de marca da Nike para os tênis Airmax.

Apple

Cria produtos elegantes e fáceis de usar, posicionando-se como uma marca premium e inovadora.

A imagem é de uma campanha do iPhone da Apple.

Os materiais de divulgação da Apple têm sempre um estilo minimalista, para dar maior importância ao produto anunciado.

No caso da imagem acima, o iPhone, que vem acompanhado do texto: “A vida é mais fácil no iPhone. E isso começa logo que você o liga”.

Coca-Cola

Promove momentos inesquecíveis acompanhados de uma Coca-Cola.

A imagem é de uma campanha da Coca-Cola. Aparece duas pessoas abraçadas tomando refrigerante.

A aposta da marca é associar com naturalidade o refrigerante ao dia a dia das pessoas.

Red Bull

Vincula a marca à adrenalina e aventura, patrocinando eventos de esportes radicais.

A imagem aparece um carro de fórmula 1 com adesivos da Red Bull.

Mais do que uma bebida energética, Red Bull representa um estilo de vida.

Rebranding: renovando a imagem da marca

Com o tempo, as marcas podem precisar se adaptar às mudanças do mercado e às expectativas dos consumidores.

O rebranding é o processo de redefinir a identidade da marca.

Exemplos de rebranding de sucesso:

  • Starbucks: simplificou seu logotipo e adotou um tom de voz mais amigável.
A imagem é de uma campanha da Starbucks.
  • Pepsi: rejuvenesceu sua imagem com campanhas modernas e design atualizado.
Na imagem aparece uma lata de Pepsi zero açúcar.
  • Burger King: reposicionou-se como uma marca mais autêntica e transparente.
Na imagem aparece uma parte do plano de branding do Burger King com imagens, logotipo e tipografia.

Conclusão

Branding é um investimento indispensável para o sucesso a longo prazo de qualquer negócio, especialmente em mercados competitivos com muitas alternativas.

Ao dedicar tempo e recursos para construir uma marca forte, você cria uma base sólida para o crescimento e a fidelização de clientes.

Felipe Labouriau
Felipe Labouriau

Sou designer gráfico de formação, com experiência no mercado de mídias impressas e virtuais. Hoje, sou instrutor de design na Alura e já colaborei para grandes insituições, como Fundação Getúlio Vargas, Ipiranga e Sebrae/RJ.

Veja outros artigos sobre UX & Design