Power BI: Medidas implícitas e explícitas

Power BI: Medidas implícitas e explícitas
David Neves
David Neves

Compartilhe

Uma das importantes etapas do desenvolvimento de um dashboard no Power BI Desktop, é a criação de medidas, que são cálculos criados através da linguagem DAX.

As medidas no Power BI podem ser classificadas como implícitas ou explícitas, e agora vamos defini-las e entender suas particularidades.

Definição

Medidas implícitas

São medidas que o Power BI cria a partir da adição de uma coluna calculada no campo Valor de um visual, ou seja, são medidas que você não sabe como foram desenvolvidas.

Geralmente, o Power BI faz uma soma automaticamente, mas oferece outras opções de agregação.

Medidas explícitas

São as medidas que exibem a fórmula, ou seja, a linguagem DAX que foi desenvolvida para o cálculo. Também é possível nomeá-las.

Para criá-las, basta clicar com o botão direito em cima de uma das tabelas e selecionar a opção Nova medida.

O uso das medidas explícitas pode nos beneficiar em alguns casos.

  • Legibilidade - Por termos acesso à fórmula criada, fica fácil entender o propósito da medida.

  • Reaproveitamento - Normalmente, medidas de agregação como a soma, têm o costume de serem reutilizadas em outras medidas. Com isso, as medidas explícitas são perfeitas para essa ocasião devido a completa manipulação da fórmula desenvolvida.

Como podemos ver na imagem acima, a medida [Total faltas] foi utilizada dentro de outra medida.

Banner promocional da Alura, com um design futurista em tons de verde, apresentando o texto

Conclusão

Como boa prática, opte por medidas explícitas pois, além dos benefícios apresentados, você tem o poder de desenvolver cálculos mais complexos utilizando filtros e relacionamentos.

Gostou deste artigo e quer conhecer ainda mais essa ferramenta e suas linguagens? A Formação de Power BI da Alura foi feita para você! Aqui, nós te ajudaremos em todos os passos dos processos até a criação de dashboards dinâmicos.

David Neves
David Neves

Com uma trajetória versátil que percorre front-end, back-end e infraestrutura, descobri minha paixão por desvendar o potencial dos dados. Hoje, como um especialista em Business Intelligence, com foco no Power BI, encontro minha motivação na disseminação de conhecimento de alta qualidade.

Veja outros artigos sobre Data Science