Quarentena: como aplicar a transformação digital em vendas

Mikaela Brasil
Mikaela Brasil

Compartilhe

O isolamento social fez com que diversos negócios precisassem abraçar a cultura digital para sobreviver aos novos tempos, o que gerou importantes lições

imagem de capa com mãos de pessoas analisando dados de vendas

A quarentena provocou uma mudança radical na maneira de fazer negócios. Com o fechamento da maioria das lojas, muitas empresas precisaram realizar em poucas semanas uma mudança que poderia demorar anos para acontecer: a transformação digital em vendas.

Isso significa que alguns processos passaram por uma remodelação para abarcar os novos aspectos da tecnologia e melhorar a produtividade. Nas vendas, essa necessidade trouxe aprendizados interessantes.

Entenda o que podemos aprender com a transformação digital em vendas.

Investimento em redes sociais

imagem de um feed de noticias no celular na mao de uma pessoa

A presença digital exige monitoramento constante. (Imagem: Pixabay)

Se era importante ter presença digital antes do isolamento social, agora é imprescindível. Ter um perfil para a sua empresa em uma rede social ou no Google Meu Negócio é como anunciá-la ao mundo, de modo semelhante ao que uma loja de rua faz; dessa forma, a clientela pode encontrar o seu negócio.

Mas estar online também significa entender como tudo funciona. Faça postagens regulares sobre os seus produtos, atualize sempre as informações e responda a todas as interações. Se possível, contrate alguém apenas para a lidar com os pedidos, porque a tendência é que eles aumentem cada vez mais.

Atualização de métodos de venda

imagem de uma pessoa digitando no computador

Inside sales economizam custos e otimizam processos. (Imagem: Pexels)

Essa é a oportunidade ideal para a sua empresa colocar em prática uma nova metodologia de produtividade que pode não ter sido adotada antes por apego ao modelo tradicional. Além da chance de a sua equipe eliminar alguns vícios da profissão, é possível aproveitar para estudar inside sales.

Nesse modelo, quem faz as vendas oferece uma espécie de consultoria para guiar o cliente na jornada do consumidor. Com uma ferramenta de gestão de relacionamento com o cliente (CRM, na sigla em inglês), pode-se registrar todas as negociações em andamento e em que estágio cada contato se encontra.

Isso é muito importante porque, ao entrar em contato com as pessoas interessadas, o profissional de vendas precisa ter domínio do assunto e conhecer a abordagem adequada para o estágio do funil em que elas estão.

Criação de estratégia digital

imagem de uma pessoa analisando dados e aproximando a tela de um tablet

Para vender online é preciso estratégia. (Imagem: Pexels)

Já falamos sobre a importância da presença digital e da necessidade de metodologias de vendas remotas, como inside sales, mas como conectar as duas coisas para permitir a transformação digital em vendas? Estar nas redes sociais não significa somente postar os produtos e atender aos clientes; e ter uma presença digital não significa somente investir em mídias.

Para captar novos leads, pode-se aplicar a estratégia de marketing de conteúdo e investir na criação de material digital gratuito (webinars, ebooks, pesquisas etc.) que pode ser acessado mediante o cadastro de algum contato em formulários. Como o assunto será voltado para o segmento do seu produto, é possível captar esses contatos e incluí-los na plataforma de CRM para a equipe de vendas começar a tratativa de inside sales.

Está vendo como tudo se interliga? Já percebeu que há muito o que aprender com a transformação digital em vendas? Aproveite para investir em soluções que podem impulsionar os seus negócios para o patamar dos novos tempos. Conheça os cursos de Marketing Digital da Alura para entender as melhores formas de se comunicar com seu público.

Veja outros artigos sobre Inovação & Gestão