Alura > Cursos de Data Science > Cursos de Business Intelligence > Conteúdos de Business Intelligence > Primeiras aulas do curso Qlik Sense: conhecendo a ferramenta

Qlik Sense: conhecendo a ferramenta

O que é o QLIK - Apresentação

Tudo bem, gente? Meu nome é Victorino Vila. Boas-vindas ao curso Qlik Sense: Conhecendo o Qlik Sense. Esse é um treinamento introdutório, não vamos nos aprofundar muito no Qlik Sense, mas este será um primeiro treinamento, onde vamos dar uma “pincelada” em tudo que a nossa ferramenta faz. A nossa ideia é criar uma formação das ferramentas Qlik, que envolvam o Qlik Sense e outra ferramenta chamada Qlik View. Mas que ambas ferramentas têm como objetivo final montar relatório de business intelligence.

A Qlik é uma das maiores empresas de business intelligence no mundo, e com outra empresa chamada Tableau e com a Microsoft com Power BI, são as 3 ferramentas campeãs best-sellers do mercado de bussiness intelligence. Muitas empresas aqui no Brasil e no mundo utilizam a Qlik para montar os seus relatórios de business intelligence.

Então o que vamos começar a visualizar no início desse treinamento é conhecer um pouco a história da Qlik. Como ela surgiu, como ela evoluiu, quais são as ferramentas que ela oferece. E vamos depois vamos fazer um link sobre o mercado de business intelligence. Vamos entender o que é o Garden Group e o que é o tal do Quadrante Mágico. Onde conseguimos analisar quem são os campeões no mercado de business intelligence, e vamos ver que a ferramenta Qlik está inserida nessas ferramentas líderes do mercado.

Depois dessa história toda, vamos passar para a prática. E vamos carregar um datawarehouse dentro do Qlik Sense, utilizando uma empresa fictícia de suco de frutas. Vamos conhecer o modelo, vamos carregar os dados, vamos fazer os relacionamentos e modelar dentro do Qlik Sense quem seriam as dimensões e quem seriam os indicadores, sejam eles primários, leads da base ou os calculados.

Depois com a base pronta, vamos começar a pincelar uma série de funcionalidades do Qlik Sense, claro, vamos instalar o Qlik Sense, criar uma instância, fazer a modelagem dentro da ferramenta e finalmente, olhar alguns relatórios.

Vamos analisar, por exemplo, o gráfico de barras, o gráfico de linhas, o gráfico de mapa de árvores, um gráfico de marcador, mapas, gráficos de dispersão, aprenderemos a montar tabelas no Qlik Sense, e talvez eu possa ter esquecido um ou outro ponto, uma ou outra análise específica, mas vamos dar uma pincelada nessas principais análises, não são todas que o Qlik Sense oferece, mas digamos assim, são as principais.

Depois vamos aprender a construir um dashboard, onde vamos juntar dentro de uma única visão vários relatórios isolados, vamos ver como o Qlik Sense é super fácil para juntar isso e montar filtros que se sensibilize e, ao mesmo tempo, todos os relatórios que você vai ver dentro de um dashboard específico.

E vamos terminar o nosso curso contando o que é uma narrativa do Qlik Sense, para contarmos uma história referente a uma análise. Novamente, é um curso introdutório, não vamos entrar muito a fundo em cada assunto, vamos construir coisas básicas, mas é para que você tenha um primeiro contato com a ferramenta, para conseguirmos evoluir mais a frente. Então é isso, preparem-se para estudar bastante, espero que vocês gostem desse treinamento, vejo vocês no próximo vídeo.

O que é o QLIK - Onde o QLIK se aplica

Vamos começar esse treinamento. E a primeira coisa que precisamos saber é aonde a ferramenta Qlik Sense se aplica, aonde eu a uso, para que ela serve.

Primeiro lugar, o Qlik Sense é uma ferramenta de business intelligence. E um processo de business intelligence consiste em um processo onde eu disponibilizo para os usuários de uma empresa informações gerenciais. As informações gerenciais são as informações usadas para tomada de decisão. Podemos separar dentro de uma empresa, as informações em dois grupos: as transacionais e as gerenciais.

As transacionais são as que têm a ver com o processo do dia a dia da empresa, é aquela informação, aquele dado, que faz a empresa funcionar. E as gerenciais são informações que coletam dados das operacionais e apresentam esses resultados de uma forma diferente, de tal maneira que o executivo, o diretor, ele possa olhar esses dados e tomar uma decisão. Que decisão é essa? Uma decisão se ele efetua um investimento em um determinado novo produto, se ele aprova uma campanha de marketing para uma determinada região que está vendendo pouco. Então isso são decisões gerenciais.

O Qlik Sense é a ferramenta exibe as informações gerenciais. Mas para que essa informação gerencial chegue no Qlik, existe todo um processo, que é a ciência do business intelligence. E como ela se divide?

Primeira coisa que você precisa fazer quando vai construir um sistema de business intelligence é entrevistar os seus usuários, entender o negócio daquele seu usuário e qual é a informação importante que ele precisa ter para tomar a decisão. Então seria o que eu estou colocando no slide, a entrevista com os usuários.

Baseado nessa entrevista de usuários, nós construímos o que chamamos de uma matriz dimensão indicador. Essa matriz dimensão indicador tem toda uma técnica para construí-la, mas basicamente vamos cruzar o que eu quero ver com como eu quero ver a minha informação. O que eu quero ver? Por exemplo, eu quero ver receita, quero ver custo, quero ver lucro, quero ver quantidade vendida, quero ver número de funcionários, isso são os indicadores. Normalmente o que eu quero ver está relacionado com um número, um dado.

Como eu quero ver? Eu quero ver vendas por cliente, por produto, por região. Número de funcionários eu quero ver por centro de custo, por idade, por sexo e assim por diante.

Com essa matriz dimensão indicador montada, construímos o que chamamos de data warehouse. O data warehouse é um banco de dados próprio para armazenar as informações gerenciais. Por quê? Porque eu não vou começar a tirar relatório direto da base de dados transacional. Imagina, eu quero fazer um relatório e envio uma consulta superpesada para a base de dados e o meu processo de emissão de nota fiscal, o meu processo de conferir o fluxo de caixa para eu poder saber se eu transfiro dados de uma conta para outra para cobrir um saldo negativo, tudo isso fica comprometido.

Fica comprometido porque eu estou disputando recursos computacionais. Então o banco de dados, que chamamos de data warehouse, ele é um repositório separado. E o desenho dele tem várias técnicas, que se baseia na matriz dimensão indicador.

Depois você tem o processo de ETL. O que é o processo de ETL? O ETL vem da sigla em inglês Extrair Transformar ou Carregar, ou seja, extract transform or load. Hoje em dia, já temos outra sigla, que ao invés de ser ETL, é ELT, que seria de Extrair, Carregar e Transformar. Mas independente se você vai usar o ETL ou o ELT, você vai buscar os dados das fontes e trazer para o data warehouse. E nesse processo, você efetua o que nós chamamos de aplicação das regras de negócio.

Isso porque o dado, apesar de ter fontes diferentes, por exemplo, venda vem de um lugar, custo vem de outro, se você olhar o sistema de vendas e o sistema de custos, ele tem as suas particularidades específicas daquela área. Mas quando eu junto esses dois indicadores para calcular o lucro, o conceito de agregação, de extração, de cálculo desses dois indicadores tem que ser compatíveis, porque senão, eu vou gerar um valor de lucro diferente do real. Esse processo de ETL coloca todos os dados dentro do data warehouse.

Às vezes o data warehouse é um banco muito grande e fica muito difícil você plugar relatórios direto neles. Então você começa a criar o que nós chamamos de dataMarts, que são pequenos banco de dados segmentados, mas tendo como única, e exclusivamente única fonte, o data warehouse.

Com os dataMarts criados, você vai escolher a ferramenta que melhor você se aplica no seu caso, para a construção do que nós chamamos os dashboards, que são relatórios normalmente visuais com gráficos, com cores, exibindo para o usuário o resultado final para a tomada de decisão dele, de forma bem mais intuitiva e que seja fácil para ele acompanhar esse processo. Esse é o processo de business intelligence.

O Qlik se aplica neste ponto específico que eu estou mostrando. Ou seja, na parte de construção dos relatórios baseados que eu já tenho uma fonte de dados disponível.

Para o Qlik não interessa se a minha fonte de dados é um dataMart vindo de um data warehouse ou se é uma base de dados direto da base de dados transacional. O que eu expliquei para vocês, é a boa prática da implementação de um sistema de business intelligence, porém, nada impede que você use o Qlik para olhar qualquer outro tipo de dado, de qualquer outro tipo de base.

E o Qlik também tem algum tipo de processo de ETL, de transformação de dado, para preparar o dado para ser exibido no se dashboard de forma mais fácil. Mas normalmente os processos de ETL do Qlik são aplicados mais para eu arrumar o dado de uma maneira tal, que fique mais fácil eu exibi-lo no meu relatório e não de um processo de ETL para popular dados no meu data warehouse.

Então, como eu falei, esse slide até me adianta um pouco do que eu acabei de dizer, eu posso plugar, claro, o Qlik, não somente em um dataMart, mas em um data warehouse, em uma área de stage, que é uma área temporária na carga do data warehouse, ou até mesmo em arquivos externos, arquivos, por exemplo, planilhas de Excel, arquivos de textos, para exibir os meus dashboards.

Toda essa parte de teoria de business intelligence você pode encontrar com mais detalhes, caso seja um assunto que te interesse, nesse curso da Alura.

Em que tudo isso que eu falei nesses últimos 10, 12 minutos, esmiuçado e detalhado em um único treinamento teórico. Eu falo treinamento teórico, porque esse curso não mostramos ferramenta nenhuma, é apenas teoria de business intelligence. Mas podemos aplicar essa teoria usando diversos bancos de dados diferentes e diversas ferramentas de construção de relatórios. Vamos nesse treinamento dar ênfase a ferramenta Qlik.

Então espero que vocês tenham entendido esse pequeno resumo sobre business intelligence, aonde se aplica a ferramenta Qlik e vamos seguir em frente, até o próximo vídeo.

O que é o QLIK - História da QLIK

Vamos conhecer um pouco sobre a empresa Qlik, a sua história, os seus produtos e como ela se situa no mercado hoje em dia.

Então o Qlik, muita gente escreve “Clik”, achando que é clique de mouse. Mas não, Qlik é uma empresa americana, com sede, hoje em dia, na Pensilvânia, mas ela foi fundada em 1993, na Suécia. E hoje em dia, por exemplo, ela possui mais de 33 mil clientes no mundo. Ela possui uma gama de produtos, mas todos eles ligados a área de business intelligence, na área de exibição de dados de informações gerenciais, conforme eu comentei com vocês no vídeo anterior. O produto principal dela hoje, é o Qlik Sense, mas existem diversos outros produtos complementares a esse produto.

Em 1993, quando a empresa foi fundada, o primeiro produto que a empresa coloco no mercado foi um produto chamado Qlik View, que foi construído para permitir que os usuários possam recuperar análises detalhadas de dados, de vários sistemas, ou seja, era um sistema embrionário do que é o hoje o Qlik Sense e do que é hoje um sistema de business intelligence. Mas isso em 1993, tinha uma capacidade muito menor de processamento e de dados.

A partir desse ano da fundação da empresa, houveram uma série de atualizações do Qlik View, respectivamente as versões 2, 3 e 4, que foram lançados nos anos de 1996, 1997 e 1999. Finalmente, em 1999, a Qlik View recebeu um aporte financeiro de investidores suecos e então ela pode investir mais no desenvolvimento dos seus produtos. Houve um grande crescimento a partir desse aporte financeiro desses investidores suecos, e em 2003, a empresa resolveu mudar a sua sede para os Estados Unidos, claro, porque o mercado mundial tinha um potencial muito maior de crescimento e a empresa tendo sede nos Estados Unidos, teria uma posição mais centralizada.

E deslumbrando o mercado, o potencial da internet, em 2005, a Qlik lançou no mercado a sua primeira versão do Qlik View para web.

O crescimento da empresa foi assustador e em 2011, a empresa já tinha um valor de mercado de mais de 2 bilhões de dólares. Inclusive, em 2012, a Forbes listou a Qlik como uma das 3 maiores empresas de tecnologia de crescimento rápido dos Estados Unidos, ou seja, ela começou a crescer muito a partir de 2011.

Tanto é que em 2016 a empresa foi comprada por um fundo de investimentos, o Buy and Capital, e por um homem chamado Thomas Bravo, que fizeram uma oferta de compra de todas as ações da Qlik, e em junho de 2016, a Qlik aceitou vender para esse fundo Thomas Bravo por cerca de 3 bilhões de dólares a empresa, e finalmente ela saiu do controle dos fundadores originais suecos de 1993 e daqueles investidores suecos também, que aportaram o dinheiro na empresa, imagina o lucro que eles tiveram na época, nos anos 90, a empresa era bem pequena e foi vendida por 3 bilhões de dólares, em 2016.

Com o dinheiro em caixa, a empresa começou a diversificar a sua atuação, sem nunca sair da área de business intelligence, mas começou a atuar em mercados segmentados, comprando outras empresas e puxando dessas outras empresas as tecnologias que elas ofereciam.

E criou-se um portfólio de produtos segmentados, que eu estou mencionando nesse slide. Começamos pelo Qlik Analytics Platform, que ele oferece um mecanismo direto de dados associativos ao Qlik, através de APIs abertas e padrão. Ou seja, você consegue através do Analytics Platform integrar o Qlik com ferramentas externas, e você consegue acessar os dados através de APIs.

O Qlik Data Catalyst, é um produto de gerenciamento que chamamos de catálogo de dados corporativos. Seria um gerenciador de dados mestres, dentro de uma empresa.

O Qlik Core é uma plataforma de desenvolvimento baseado em bibliotecas de código aberto, desenvolvidas pela própria Qlik, que permitem que você possa usar o mecanismo de consolidação de Core do Qlik em outras aplicações. O Qlik GeoAnalytics, pelo próprio nome diz, Geo, significa recursos para você trabalhar com dados geoanalíticos, ou seja, analisar grandes dados em conjunto com mapas geográficos, para você ter algum tipo de conclusão de tomada de decisão, baseado em disposição de dados geográficos.

O Qlik DataMarket oferece um serviço baseado em nuvem, onde você pode desenvolver e vender conteúdos externos, é como se fosse um Marketplace, para você poder utilizar dentro da sua plataforma. E tem um aumento grande de potencial desenvolvimento de aplicações por parte dos usuários do Qlik.

Nós temos os Conectores Qliks. São ferramentas que permitem que o Qlik View e o Qlik Sense, eu vou falar um pouco mais sobre o Qlik Sense mais a frente, mas eles consigam interagir com fontes de dados externas, por meio de dados ODBC ou OLDB, normais ou especiais, para determinados tipos de conectividade.

Temos também o Qlik Replicate, que ele consegue fazer replicação de dados entre os servidores Qliks, e nós temos finalmente o Qlik Compose, que faz automação de ETL de dados para data warehouse. É meio que já um pouco do Qlik atuando, quando eu falei sobre business intelligence, atuando um pouco mais fora daquele universo de disponibilização de dados apenas através de dashboards.

Mas tudo isso, tudo isso, gira em torno do que nós chamamos do Qlik Sense. O Qlik Sense é a plataforma de construção de front-ends, de dados via dashboard, que tem como fonte de dados arquivos de texto, planilha do Excel, base de dados e é a forma de visualizar os resultados também disponíveis através de todo esse catálogo de ferramentas da Qlik.

A nossa formação de Qlik vai dar ênfase em Qlik Sense, então vamos começar com esse curso introdutório, a nossa ideia é ir se aprofundando mais. E eventualmente, pode ser que falemos um pouco sobre cada um desses módulos, mas eles são como eu falei, muito segmentados, e talvez no futuro, mereçam treinamentos específicos, caso haja interesse de vocês.

Então isso é um pouco da história da Qlik que eu gostaria de contar para vocês nesse vídeo. Um abraço e até daqui a pouco.

Sobre o curso Qlik Sense: conhecendo a ferramenta

O curso Qlik Sense: conhecendo a ferramenta possui 272 minutos de vídeos, em um total de 69 atividades. Gostou? Conheça nossos outros cursos de Business Intelligence em Data Science, ou leia nossos artigos de Data Science.

Matricule-se e comece a estudar com a gente hoje! Conheça outros tópicos abordados durante o curso:

Aprenda Business Intelligence acessando integralmente esse e outros cursos, comece hoje!

Plus

De
R$ 1.800
12X
R$109
à vista R$1.308
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

Matricule-se

Pro

De
R$ 2.400
12X
R$149
à vista R$1.788
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

  • Luri powered by ChatGPT

    Luri é nossa inteligência artificial que tira dúvidas, dá exemplos práticos e ajuda a mergulhar ainda mais durante as aulas. Você pode conversar com Luri até 100 mensagens por semana.

  • Alura Língua (incluindo curso Inglês para Devs)

    Estude a língua inglesa com um curso 100% focado em tecnologia e expanda seus horizontes profissionais.

Matricule-se
Conheça os Planos para Empresas

Acesso completo
durante 1 ano

Estude 24h/dia
onde e quando quiser

Novos cursos
todas as semanas