Controle do medo em apresentações

Alura+ são pequenos vídeos com conteúdo complementar aos cursos da Alura. Aqui você tem novidades, dicas, tutoriais, novos assuntos e muito mais. Excelente para aprender algo novo naqueles pequenos momentos que sobram no dia.

Resumo do conteúdo

Neste vídeo você irá aprender o que causa o medo na hora de falar em público e qual o passo a passo para para superá-lo e realizar apresentações profissionais.

Transcrição

Olá! Eu sou o professor Sérgio Carvalho e neste vídeo vamos falar sobre medo na hora da apresentação.

Você já enfrentou essa situação de sentir insegurança, medo ou dúvida no momento de apresentar algum conteúdo?

Vamos compreender como o medo age durante uma apresentação e como podemos superar esse sentimento.

Primeiramente, é necessário entender que o medo tem duas motivações principais: falta de preparo ou questões emocionais. Essas são as duas causas que levam uma pessoa a sentir medo na hora da apresentação.

É importante ressaltar que o frio na barriga e a ansiedade são sentimentos naturais e, até mesmo, desejáveis, pois mostra que você se importa e quer fazer um bom trabalho. O problema surge quando essas sensações impedem você de fazer a apresentação ou causam tanto nervosismo que prejudicam seu desempenho.

O preparo é uma etapa crucial para superar as situações mencionadas. Para isso, é necessário criar um roteiro, levantar informações, detalhar todo o conteúdo a ser apresentado e adaptá-lo à sua forma de expressão. Mas atenção! Não é recomendável decorar todo o roteiro escrito, pois isso pode tornar a fala mecânica e gerar mais nervosismo caso algo seja esquecido.

Para ajudar nesse preparo, uma dica é dividir seu roteiro em grandes tópicos, que representam as ideias principais que você quer passar. Assim, é possível desenvolver a fala de forma mais natural e fluida, pois você já conhece o assunto.

Outra etapa importante é o treino. Treinar a apresentação diversas vezes pode contribuir para a familiarização com o assunto e a forma como você deseja apresentá-lo. Além disso, durante o treino, pode ser possível perceber e corrigir aspectos que precisam de melhorias. Essa prática gera mais segurança e conforto na hora de se apresentar.

Entender quem é o público da apresentação, quais são suas expectativas e qual a linguagem apropriada para se comunicar com essas pessoas, também faz parte do preparo. Além disso, é importante se perguntar, por exemplo, se será possível utilizar recursos visuais. É essencial dominar todo o conteúdo da apresentação, assim como todo o contexto geral.

Fazendo todo esse trabalho de preparação, eu garanto que o medo por falta de preparo ou desconforto com o conteúdo será superado. Porque você estará confortável, já terá apresentado diversas vezes, mesmo que seja para o espelho ou gravando durante os treinos, você consegue identificar as dificuldades da fala e sentirá mais segurança na hora da apresentação.

Esses aspectos são muitas vezes ignorados por algumas pessoas, que acreditam que o medo está apenas relacionado a questões emocionais.

Na sua próxima apresentação, independentemente do que você acredita ser a causa do seu medo, a dica é se preparar corretamente. As chances de seu medo diminuir ou até mesmo desaparecer, são muito grandes.

Mas, vamos considerar que o seu caso seja realmente uma questão emocional. Que você sente muita ansiedade e não consegue trabalhar. Aqui, estamos discutindo o controle emocional, e nele temos dois ciclos: o ciclo da confiança e o ciclo da ansiedade.

Quer entender como isso funciona? Imagine que você pensa que sua apresentação será péssima, que você não conseguirá se sair bem e que não nasceu para falar em público.

Qual seria sua reação a esses pensamentos?

Possivelmente você irá para a apresentação sentindo insegurança, com medo e sem dedicar a devida atenção ao preparo. Pois já acredita que não será boa. Então, pensa que será ruim, age de acordo com essa expectativa e consequentemente tem um resultado que confirma essa premissa. Provavelmente uma apresentação que não saiu tão bem quanto desejado e não obteve o resultado esperado.

Com isso, você fortalece a ideia de que não consegue realizar boas apresentações. Esse é o ciclo da ansiedade, é o ciclo do fracasso. Porque? Acredita que não conseguirá se sair bem, age como se realmente não fosse bem, seu resultado não é satisfatório e acaba reforçando essa crença limitante. Na próxima vez que você tiver uma apresentação, seu primeiro pensamento será: "Ah, lembra daquela apresentação que eu fiz? Foi péssima.". Esse é o ciclo da ansiedade.

Por outro lado, temos o ciclo da confiança. Isso ocorre quando você acredita que consegue fazer uma boa apresentação. Agora refletindo sobre suas ações, como será sua postura nessa situação? Você agirá com mais segurança, efetividade e energia. Por consequência, seu resultado pode até não ser ótimo, mas tem potencial para ser bom. E isso fortalece a confiança para a próxima apresentação.

Você pode pensar em relação à próxima apresentação: "Minha última apresentação foi boa, então eu acredito que agora consigo fazer uma apresentação ainda melhor".

Agora pense, dentro desses dois cenários, qual você prefere? Fazer parte do ciclo da ansiedade ou do ciclo da confiança?

Posso imaginar a resposta: "Óbvio que prefiro fazer parte do ciclo da confiança, mas não consigo porque quando eu estou na situação, o ciclo da ansiedade me pega."

Então o que você deve fazer? Você vai construir o ciclo da confiança para você.

Como fazer isso? Caso você não tenha uma apresentação que considere ter sido bem-sucedida para utilizá-la como reforço positivo em seu pensamento inicial, você deve construir essa referência. Como? Treinando.

Então, você pega um conteúdo e prepara a apresentação dele. Pode ser a mesma apresentação que você vai fazer no dia da apresentação oficial. E treine. O que vai acontecer conforme você praticar na frente do espelho ou enquanto grava? Você vai ganhando confiança.

A primeira tentativa pode não ser boa, mas a segunda já demonstra uma melhora. Da terceira em diante com os ajustes necessários, a apresentação começa a fluir naturalmente. Na hora de apresentar para a sua liderança, para os diretores da empresa ou para a sua equipe você já terá treinado cinco vezes.

E qual será seu pensamento nesse momento? Provavelmente algo como: "Farei uma boa apresentação. Meu último treino foi muito bom, então tenho condições de fazer uma boa apresentação." E aqui, como será sua postura? Com confiança, segurança e preparo adequado. Qual é a tendência do resultado nesse caso? Provavelmente será um bom resultado e isso já pode ser utilizado como motivação para uma próxima apresentação.

Portanto, se você não tem naturalmente o ciclo da confiança, você pode construí-lo por meio de treinamento. E como consequência, você tende a fazer uma boa apresentação.

Portanto, perceba. Superar o medo de falar em público e lidar com a ansiedade é algo que se alcança por meio do preparo adequado e da construção do ciclo da confiança. Se você trabalhar esses dois aspectos, conseguirá ficar muito mais confortável e confiante para fazer uma apresentação.

Com o tempo, esse medo ou ansiedade, vai ser apenas o frio natural na barriga. E isso não tem problema nenhum.

Vamos destacar que o seu último treino é o grande ponto-chave. Porque você percebeu, tanto na parte de preparação, quanto na questão emocional, que a sua última fala, o seu último treino, é o seu teste para ver se você está apto a fazer a apresentação.

Dificilmente, se você estiver treinando, fazendo os ajustes, tentando melhorar, o seu último treino será ruim. Ele tenderá a ser bom. Você pode pensar "Ah, mas eu só estou falando na frente do espelho". Mas isso já vai te proporcionar a energia necessária para ter confiança, a questão emocional, e também ter o conteúdo na ponta da língua, a questão da preparação, para fazer uma boa apresentação.

E, como consequência, o resultado será positivo. E assim, você parte para a melhoria contínua.

Cuidados na hora da apresentação

Na hora da apresentação é importante respirar. Portanto, tenha cuidado. Às vezes, nós prendemos a respiração. Então, fique atento. Percebeu que a respiração está presa? Solte-a, respire. Foque no que foi praticado. Não invente. Você treinou muito. Então, foque no que você praticou.

Use apoio se precisar. Um slide ou tenha as anotações dos tópicos principais perto de você. Pois poder consultá-las trará segurança. Mas são apenas tópicos, não é conteúdo para leitura. É simplesmente um apoio.

E tenha um planejamento de saída. Se você encontrar-se numa situação difícil, em que começa a sentir nervosismo e acha que não conseguirá se concentrar, tenha um planejamento de saída. Como, por exemplo, interagir com o público para conseguir se recompor.

Como assim? Faça uma pergunta para o público. Você está muito nervoso? Você sente que não está fluindo? Diga: "Pessoal, quem aqui já fez tal coisa?" E aí, as pessoas irão levantar a mão.

Ou, se você estiver muito nervoso, faça uma pergunta para alguém responder. "Quem aqui pode contar uma experiência X?" E nesse tempo que as pessoas vão falando, você consegue respirar, lembrar do que você praticou, olhar o seu apoio e voltar com energia.

Então perceba que essas pequenas dicas podem ser muito úteis na hora H. Portanto, a chave para vencer o medo é o preparo. Não há outra maneira. A preparação é o que supera o medo. Então treine e afaste o seu medo.

Eu fico por aqui. Até a próxima. Tchau!

Já é Aluno?

Comece agora

11min para conclusão

Sabe quando você pode começar? Agora!

Plus

De
R$ 1.800
12X
R$109
à vista R$1.308
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

Matricule-se

Pro

De
R$ 2.400
12X
R$149
à vista R$1.788
  • Acesso a TODOS os cursos da Alura

    Mais de 1500 cursos completamente atualizados, com novos lançamentos todas as semanas, emProgramação, Front-end, UX & Design, Data Science, Mobile, DevOps e Inovação & Gestão.

  • Alura Challenges

    Desafios temáticos para você turbinar seu portfólio. Você aprende na prática, com exercícios e projetos que simulam o dia a dia profissional.

  • Alura Cases

    Webséries exclusivas com discussões avançadas sobre arquitetura de sistemas com profissionais de grandes corporações e startups.

  • Certificado

    Emitimos certificados para atestar que você finalizou nossos cursos e formações.

  • Luri powered by ChatGPT

    Luri é nossa inteligência artificial que tira dúvidas, dá exemplos práticos e ajuda a mergulhar ainda mais durante as aulas. Você pode conversar com Luri até 100 mensagens por semana.

  • Alura Língua (incluindo curso Inglês para Devs)

    Estude a língua inglesa com um curso 100% focado em tecnologia e expanda seus horizontes profissionais.

Matricule-se
Conheça os Planos para Empresas

Acesso completo
durante 1 ano

Estude 24h/dia
onde e quando quiser

Novos cursos
todas as semanas