Tá acabando!

Compre agora com desconto
Corra enquanto há tempo!

dias

:

horas

:

minutos

:

segundos

Tailwind: Preparando o Visual Studio Code

Matheus Alberto
Matheus Alberto

Compartilhe

Três elementos na vertical, um do lado do outro, são eles: logomarca do Tailwind, uma chave de fenda sobre uma chave de roda e logomarca do Visual Studio.

Antes de começar o desenvolvimento de um projeto, é importante garantir que temos tudo para começar. Principalmente nossas ferramentas. O Tailwind é um framework CSS utilizado em conjunto com outros frameworks JavaScript como React, Next.js e Vue, mas ele também pode ser usado sozinho ou com alguma ferramenta de building.

Neste post o foco é falar das extensões e ferramentas necessárias, e não como instalar e configurar o Tailwind.

PostCSS Language Support

Arquivo README do github da extensão PostCSS.

Após a instalação do Tailwind CSS, é necessário a criação de um arquivo CSS inicial onde serão importados arquivos básicos através das diretivas do framework, como @tailwind base;, @tailwind components; e @tailwind utilities;. O problema é que o VS Code por padrão não consegue reconhecer essas diretivas e erros são apontados. Então uma extensão muito boa para acabar com esses erros é a PostCSS Language Support. Essa extensão adiciona o suporte para funcionalidades experimentais do CSS, como neste caso, diretivas customizadas. Essa extensão tem até suporte adicional para o plugin EMMET.

Tailwind CSS IntelliSense

Página inicial do plugin Tailwind CSS IntelliSense no marketplace de plugins do Visual Studio Code.

Agora que resolvemos os problemas das diretivas, começaremos a escrever códigos com Tailwind, certo? Bom, até podemos, mas você precisa ter decorado grande parte da documentação para saber precisamente como escrever as classes de utilidade e as estruturas das diretivas para criar classes customizadas e para facilitar nossas vidas, a extensão Tailwind CSS IntelliSense existe.

Ela é uma extensão oficial da equipe que criou o Tailwind e oferece suporte para todas funcionalidades do framework. Só é importante ter o arquivo de configuração do Tailwind criado antes de usar. Caso não tenha esse arquivo ainda pode utilizar o comando npx tailwind init.

Ajuda com nomes de classes e criação de diretivas? A extensão ajuda a completar a escrita de classes, diretivas e até mesmo funções CSS com sugestões.

Exemplo de código HTML com a funcionalidade de sugestões ativada para nomes de classes do Tailwind.

Não sabe se escreveu a estrutura correta de funções e diretivas? A extensão oferece uma funcionalidade de linter para avisar e sugerir correções em seu código.

Exemplo de escrita de uma classe customizada e com erros que são apontados em destaque. Em outro painel do Visual Studio Code estão sugestões de como resolver esses erros.

Conclusão

Como vimos, não são necessárias muitas configurações, ferramentas ou plugins para utilizar o Tailwind com o VS Code. Ele é um framework CSS muito interessante para desenvolvimento e criação de páginas personalizadas, aliado a um bom apoio ferramental.

Matheus Alberto
Matheus Alberto

Formado em Sistemas de Informação na FIAP e em Design Gráfico na Escola Panamericana de Artes e Design. Trabalho como desenvolvedor e instrutor na Caelum e Alura. Nas horas vagas sou artista/ilustrador.

Veja outros artigos sobre Front-end